postado em: 14/03/18 as 11:05, atualizado em: 14/03/18


Caminhada do Judiciário tem apoio da Ameron


A partir desta sexta-feira (16), o TJRO inicia campanha de prevenção à saúde e promoção da qualidade de vida dos servidores e magistrados. A concentração está marcada para às 16 horas na tenda improvisada pelo TJRO que será instalada no Espaço Alternativo de Porto Velho. A mesma ação vai se estender simultaneamente nas comarcas do interior do estado, nos pontos de concentração definidos pelos fóruns.

As atividades atendem à Resolução 31 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que foi criado em 2015, mas só implantado em outubro de 2017 pelo Programa de Atenção à Saúde dos magistrados e servidores do Judiciário, com trabalhos preventivos para evitar o sedentarismo, o aumento da emissão dos atestados médicos aos servidores e ainda melhorar a qualidade de vida.

Até o momento, 19 Tribunais de Justiça do país têm implementado eventos dessa natureza. O diretor de modernização e aperfeiçoamento institucional da Ameron, Johnny Gustavo Clemes, explica como a ação será desenvolvida em Rondônia. “A prática consiste em realizar uma caminhada simbólica onde servidores e magistrados sejam chamados a atenção a perceber a importância de práticas saudáveis, em especial aquelas que dizem respeito aos exercícios físicos. Existe toda uma política de incentivo do tribunal que dispensa o servidor para estar realizando a atividade naquele dia, fornecendo apoio e suporte com médico do próprio tribunal e tenda para descanso, assegurando a integridade do servidor”, esclarece o magistrado.

A expectativa em Porto Velho é que mais de mil pessoas participem da caminhada, a ideia é que a campanha seja instituída pelo menos uma vez no mês, intitulando como a “Sexta-Feira Saudável”, idealizada pela presidência do TJRO. Ao invés do servidor se apresentar ao trabalho no tribunal, ele deve comparecer à concentração para participar das atividades programadas. A enfermeira do Departamento de Saúde do TJRO, Rosana Ramalho, faz recomendações aos servidores e magistrados que estarão presentes na caminhada. “Todos devem usar camisa branca, levar água, vestir roupas leves e calçar tênis. Orientamos que evitem levar o carro devido a falta de vagas para estacionamento e ir preparado porque não há banheiros químicos”, alerta.

Para o diretor de modernização e aperfeiçoamento institucional da Ameron, Johnny Gustavo Clemes é importante que os magistrados estejam engajados nessa ação - tanto na capital, como no interior do estado. “A Ameron entra com esse objetivo de ser parceira estratégica de nível operacional, conscientizando os servidores e os próprios magistrados que são responsáveis pelo desenvolvimento desse projeto. A Ameron procura trazer o seu elo com os magistrados como corrente de apoio para essas práticas e solicitando o apoio dos associados para que nas comarcas desenvolvam, conforme suas peculiaridades, ações dessa natureza”, afirma.

Prevenção à saúde representa economia

Trabalhar a saúde vai além do tratamento à dignidade da pessoa ao proporcionar o bem estar, mais pré-disposição e harmonia no ambiente institucional. O juiz Johnny Gustavo Clemes endossa como as ações de prevenção pode representar economia no orçamento de quem deixa o sedentarismo de lado. “Hoje todas as instituições prestadoras de seguros de saúde patrocinam atividades preventivas porque o gasto com isso implica em economia para eles. Essa economia não é gerada apenas aos operadores dos planos de saúde, como também ao próprio magistrado e servidor, pois as seguradoras não cobrem remédios e a ausência de quem está doente ao convívio com a família. Portanto, cuidar da saúde tem um aspecto que além de humano, também é econômico”, enfatiza o magistrado.

Além da Associação dos Magistrados do Estado de Rondônia (Ameron) e do Tribunal de Justiça de Rondônia (TJRO), a Associação dos Funcionários do Poder Judiciário (Amigos) e Sindicato dos Servidores do Judiciário de Rondônia (Sinjur) também apoiam a realização da caminhada.

Fonte: Assessoria de Comunicação - Ameron

comments powered by Disqus