postado em: 27/04/18 as 18:50, atualizado em: 27/04/18


Juíza Euma Tourinho recebe Medalha do Mérito Legislativo: “uma honra”, afirma magistrada



“Um magistrado não é movido por reconhecimento, mas é muito bom e estou muito honrada em receber esta homenagem dessa Casa de Leis”, assim avaliou, emocionada, a juíza Euma Mendonça Tourinho, primeira mulher operadora do Direito homenageada com a Medalha do Mérito Legislativo, em Sessão Solene realizada na Assembleia Legislativa (ALE-RO), na quinta-feira (26). A homenagem foi proposta pelo deputado Jesuíno Boabaid, em reconhecimento aos relevantes serviços prestados pela magistrada ao estado de Rondônia. O evento também contou com a participação de várias autoridades, entre elas, o presidente da Associação dos Magistrados do Estado de Rondônia (Ameron), Alexandre Miguel, e o desembargador Raduan Miguel Filho.

Também estiveram presentes o avô da juíza, o jornalista Euro Tourinho; o marido dela, Márcio Mamede; e o filho, Lucas Tourinho Mamede.


Durante a solenidade, Alexandre Miguel destacou a trajetória da juíza Euma Tourinho, recordando o período em que ela ainda prestava concurso público almejando a magistratura. “Quero parabenizá-la por esse momento tão distinto na sua carreira e o faço contando que a conheci em 1998, quando Vossa Excelência ainda fazia o concurso para a magistratura. Naquela oportunidade, tive o privilégio de participar daquela ocasião, inclusive, permanecendo na sala onde Vossa Excelência fazia a prova. E já naquele momento, você conseguiu me surpreender pela maneira como atuava compenetrada para realizar aquele sonho que se tornou uma realidade, após a sua posse”.

Alexandre também lembrou que a dedicação da então futura juíza na ocasião da prova era tamanha que a magistrada, mesmo tendo terminado o exame, não queria entregá-lo, por conta do zelo que tinha em relação ao sonho que perseguia e que se tornou realidade.

Representando o Tribunal de Justiça de Rondônia (TJRO), Raduan disse ser um orgulho para o Poder Judiciário quando um de seus membros se destaca na sociedade de forma indelével, recebendo tal reconhecimento da Casa do Povo. O desembargador destacou o trabalho da homenageada como excepcional. “Ao magistrado não é dado o direito de se vangloriar de seus atos, mas a sociedade deve, sim, reconhecê-los. Essa homenagem é de uma importância imensurável, pois Vossa Excelência saiu do comum e fez muito mais do que apenas o seu trabalho, Vossa Excelência se destaca”, declarou.

Jesuíno Boabaid agradeceu a presença das autoridades, familiares e amigos da juíza Euma Tourinho. O parlamentar disse ter se sentido honrado em poder participar de uma comenda mais do que justa e enalteceu o currículo da magistrada: “formidável, digno de uma homenagem como essa”, salientou.

Cheio de orgulho da neta, o jornalista e avô da juíza, Euro tourinho, afirmou que a neta é um orgulho para a família. “Nem sempre os bons trabalhos são reconhecidos e, por esta razão, tal honraria dedicada à minha neta ficará eternizada na memória dos Tourinhos. Ver minha neta querida ser homenageada pelo seu relevante trabalho prestado a Rondônia é motivo de muito orgulho para todos nós. É um reconhecimento merecido e que aumenta o peso da sua responsabilidade e isso, com certeza, a fará esforçar-se ainda mais”, falou o ex-proprietário do tradicional jornal impresso Alto Madeira, hoje já inoperante.

O prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, disse considerar o reconhecimento do parlamento justo e merecido. “Quero manifestar aqui o meu reconhecimento do trabalho da juíza Euma, desde quando ainda dava os primeiros passos na magistratura. Parabenizo Vossa Excelência pela merecida homenagem e digo que é uma honra participar desta solenidade”.

O defensor público-geral, Marcus Edson de Lima, fez questão de enfatizar o caráter da magistrada homenageada. “Palavras como honestidade e humildade definem a juíza Euma Tourinho. Eu a admiro muito e digo que Vossa Excelência é um exemplo a ser seguido”.

O procurador-geral do Estado, Juraci Jorge da Silva, afirmou ter observado que a Casa de Leis tem prestado homenagens a pessoas que realmente dedicaram um trabalho de relevância para Rondônia. “O povo de Rondônia só tem a ganhar com o padrão de trabalho e a forma de agir de Vossa Excelência. Essa homenagem é mais do que merecida”.

Representando a Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Rondônia (OAB/RO), o advogado Rochilmer Melo da Rocha Filho, destacou que a juíza é dona de um legado de exemplo. “A trajetória de Vossa Excelência no Poder Judiciário de Rondônia facilita a honrosa missão de representar a OAB/RO em tão importante homenagem, uma vez que o seu trabalho é em prol da sociedade rondoniense”.

Emoção da homenageada

Após os pronunciamentos das autoridades convidadas e a leitura do currículo da homenageada, o deputado Jesuíno Boabaid entregou a Medalha do Mérito Legislativo à juíza Euma Tourinho.

Já condecorada, a magistrada agradeceu ao Poder Legislativo, em especial o deputado Jesuíno Boabaid. Também dirigiu agradecimentos a cada uma das autoridades que usaram da palavra para homenageá-la, além de seus familiares, amigos e colegas de trabalho presentes.

Emocionada, Euma Tourinho discursou sobre sua trajetória e a importância da família em suas escolhas e formação, dos funcionários com quem trabalha e dos amigos pessoais.

“Curvo-me e agradeço nas pessoas do meu avô, Euro Tourinho, um destemido pioneiro com quem aprendo lições valiosas até hoje e meu pai, Euro Tourinho Filho, que possibilitou minha formação acadêmica e de quem herdei a firmeza, agora sempre acompanhada de compaixão”, declarou.

A magistrada destacou o amor por Rondônia e sua gratidão pelo reconhecimento do seu trabalho. Segundo ela, magistrados não são movidos por reconhecimento, “mas é muito bom recebê-lo”, frisou.

Euma também agradeceu o apoio do marido, Márcio; e do filho, Lucas, a quem chamou de “benção em sua vida”.

“Agradeço a essa terra bendita e à oportunidade de continuar dando o melhor de mim ao Judiciário e à sociedade rondoniense, até o último dia da minha vida. A todos, o meu muito obrigada”.

Finalizando, a magistrada citou a poetisa Cora Coralina: “procuro semear otimismo e plantar sementes de paz e justiça. Digo o que penso, com esperança. Penso no que faço, com fé. Faço o que devo fazer, com amor. Eu me esforço para ser cada dia melhor, pois bondade também se aprende. Mesmo quando tudo parece desabar, cabe a mim decidir entre rir ou chorar, ir ou ficar, desistir ou lutar; porque descobri, no caminho incerto da vida, que o mais importante é o decidir.”

Fonte: Assessoria de Comunicação - Ameron

comments powered by Disqus